Anúncios
DicasNews

St. Patrick’s Day, a festa irlandesa que contagia os EUA


…Embora nascido em família religiosa, Patrick era ateu e redescobriu sua fé na escravidão. Após 17 anos como escravo…


st patricks parade

Banda irlandesa de gaitistas no St. Patrick’s Day

 

A forte presença de imigrantes irlandeses nos Estados Unidos acabou transformando St. Patrick’s Day em data nacional, celebrada no dia 17 de março. Ironicamente ele não era irlandês de nascimento, mas, sim, um nobre britânico nascido por volta do ano 400 DC e capturado por piratas irlandeses que escravizaram-no. Embora nascido em família religiosa, Patrick era ateu e redescobriu sua fé na escravidão. Após 17 anos como escravo, escapou e retornou à sua terra. Porém, voltou à Irlanda na condição de missionário, onde morreu, supostamente em 17 de março.

St. Patrick’s Day é comemorado em todo país. Em Chicago, há mais de 50 anos as famílias Butler e Rowan despejam um pó laranja que por cinco horas tinge as águas do Chicago River em verde, cor que simboliza Irlanda. Desfiles são realizados em várias cidades do país como Boston, Filadélfia, Charleston, Savannah, e New York – que realizou o primeiro desfile em 1762.

StPatrick

Homem caracterizado como Leprechaun, personagem do folclore irlandês

Uma tradição que se perpetua é o uso do trevo de três folhas que, segundo a lenda, St. Patrick usava para explicar a Santíssima Trindade. No século 17, as pessoas passaram a usar o trevo de três folhas em seus casacos e colocá-lo em um copo de whiskey antes de beber.

Por falar em bebida, a cerveja preta Guinness é consumida em alta escala. Em um dia normal, americanos bebem cerca de 600.000 canecas da cerveja de Dublin. No St. Patrick’s Day, porém, cerca de 3 milhões de canecas de Guinness são entornadas, de acordo com o Guinness Livro de Recordes.

A figura do leprechaun – um anão de face rosada, levemente embriagado e usando roupa verde tipicamente irlandesa – é outro elemento que enriquece o folclore. O leprechaun surgiu no século VIII, e seria uma referência à palavra luchorpán, que significa “corpinho” para descrever o espírito da água. Ou poderia ser ainda o deus irlandês Lugh, que na variação celta é conhecido como um dos “Três Sapateiros Dourados”. Por fim, pode representar também a fada irlandesa Cluricaune, “um espírito ardiloso que assusta adegas, e prega peças em bebedores e fumantes”. Como se vê, o que não falta na Irlanda são lendas.

st patrick 4

Os bombeiros também entram no clima da comemoração da data

Embora corned beef (carne em conserva) e repolho seja a comida clássica no St. Patrick’s Day, o cardápio é mais americano do que irlandês. Como os irlandeses-americanos eram muito pobres no século XIX, corned beef era única carne que eles podiam comprar e o repolho é um vegetal típico da primavera e bem barato.

Sul da Flórida

Várias cidades da Flórida comemoram St. Patrick’s Day, sempre com muita música, comida e bebida. Aqui está um pequeno roteiro:

st patr5.jpg

Miami: Brickell Fest

Área da Brickell se transforma numa grande festa verde. Já estão programados dançarinos ilrandeses, tocadores de gaitas de fole, DJs e bastante cerveja verde. Na chegada, os convidados ganham miçangas, chapéus e outros presentes. Onde: 690 SW 1ST Court, Miami. Quando: 17 de março. Custo: $25-$50 e inclui uma cerveja grátis.

Coral Gables:  John Martin’s Irish Pub

Uma noite de karaokê temático com canções irlandesas abre as festividades no John Martin’s Irish Pub. Comemoração de St. Patrick’s com música irlandesa ao vivo, tocadores de gaitas de fole e um DJ. Onde: 253 Miracle Mile, Coral Gables. Quando: 17 de março. Custo: $15 depois das 4 horas da tarde.

Davie: Ye Olde Falcon Pub

Local perfeito para comemorar St. Patrick’s com seu cão. Ye Olde Falcon Pub tem dois bares externos, música ao vivo, banda irlandesa e seu cãozinho é bem-vindo. Onde: 2867 S. University Drive, Davie Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

Dania Beach: The Field

The Field começa seu festival às 11 horas da manhã. Com dois palcos para música ao vivo e shows de dança, tendas externas, um bar completo e nenhuma cerveja verde – porque eles valorizam suas cervejas. E servem as irlandesas favoritas: Smithwick’s, Harp, Magners e Guinness. Onde: 3281 Griffin Road, Dania Beach. Quando: 17 de março. Custo: $10, inclui estacionamento.

Hollywood: Mickey Byrnes

Nem todos são loucos por cerveja, mesmo no St. Patrick’s Day. Então Mickey Byrne’s oferece doses de Jell-O. As ruas serão fechadas para uma festa no quarteirão, com direito à exibição da banda de rock DNA. Onde: 1921 Hollywood Blvd, Hollywood. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

 

Fort Lauderdale: Briny Irish Pub

Briny Irish Pub servirá corned beef e repolho até acabar. O pub também tem uma linda vista do New River e uma ótima seleção de chopp. O pessoal gosta de tirar foto com o enorme tubarão em frente do pub. Onde: 305 South Andrews Ave., Fort Lauderdale. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

Fort Lauderdale: McGuire’s Hill

A festa começa a partir das 8 horas da manhã no Maguire’s Hill com um típico café da manhã irlandês, que inclui linguiça, bacon, feijão cozido, cogumelos, torradas e tomates. Música ao vivo começa ao meio-dia, quando serão servidos pratos irlandes tradicionais como corned beef e repolho, Shepherd’s Pie e cozido de carneiro irlandês. Onde: 535 N. Andrews Ave., Fort Lauderdale. Quando: 17 de março. Custo: $10.

Fort Lauderdale: McSorley’s

Este pub fica de frente para a praia e tem um terraço no andar superior, além de bar completo e uma boa seleção de cerveja. Não serve comida, mas a pizzaria Primanti Bros. está do outro lado da rua. Onde: 837 North Fort Lauderdale Beach Blvd., Fort Lauderdale. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

bast-media-banner

Fort Lauderdale: Waxy’s O’Connor

St. Patrick’s Day começa às 9 horas da manhã com café da manhã irlandês típico que inclui ovos, bacon, linguiça, torradas, feijão, tomate e croquetes. Entretenimento ao vivo começa à tarde e pratos especiais estão disponíveis o dia todo. Onde: 1095 SE 17th St, Fort Lauderdale. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

Fort Lauderdale: Himmarshee Street

A rua toda se transforma em festa no St. Patrick’s Day. Há vários bares para beber e petiscar, desde o restaurante ao estilo gastropub Public House ao descompromissado Fat Cats no outro lado.

Boca Raton: Dubliner

Entretenimento ao vivo inclui canções folclóricas irlandesas e músicas de raiz, rock, funk e jazz. Também haverá tocadores de gaitas de fole e dançarinos irlandeses. Onde: 435 Plaza Real, Mizner Park, Boca Raton. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

West Palm Beach: Roxy’s Pub

Este local icônico tem 64 diferentes tipos de chopp. O terraço merece ser visitado, e quase sempre tem apresentação de bandas ao vivo. Onde: 309 Clematis St., West Palm Beach; 561-296-7699.

West Palm Beach: O’Shea’s Irish Pub

oshea wpb.jpg

A banda folclórica irlandesa The Amadans, vinda da Irlanda, é um dos destaques na comemoração do St. Patrick’s Day no O’Shea’s Irish Pub. A festa no quarteirão inclui dançarinos irlandeses, tocadores de gaitas de fole, um caminhão de cerveja e os tradicionais pratos irlandeses: Shepperd’s Pie, sopa de batata com corned beef e repolho. Onde: 531 Clematis St, West Palm Beach. Quando: 17 de março. Custo: Grátis.

Anúncios
Sobre Tozzi (112 artigos)
A class of 1979 graduate from FAAP with over 30 years’ experience, he has also worked for 5 years for Grupo O Estado de S.Paulo/Jornal da Tarde, all the while also freelancing for publications such as Exame, and magazines such as Grupo Ideia, editora da IstoÉ, e Química e Derivados, da editora QD. In the media relations world, he worked for Burson Marsteller in São Paulo, one of the sector's most highly regarded companies wherein he held the title of Gerente de Imprensa and fulfilled the job function of coordinating the activities of his fellow colleagues. In the United States, he has become known as one of the nation’s top Portuguese-speaking journalists having in his curriculum the experience of being editor-in-chief of such publications such as Florida Review in Miami and AcheiUSA in Broward. Furthermore, in South Florida, he collaborated on the journal, O Estado de S.Paulo, with the radio station CBN, and was editor of Sony magazine’s Portuguese branch. His work in television includes CBS Telenotícias, which provided Brazil with journalistic information and PSN, a sports station, wherein he produced the tennis broadcasts. Finally, he also worked for RIT TV as a director of journalism. He worked as a color commentator for NBA games, which are broadcast live to Brazil via TNT (Canal Space Brasil) and also a weekly contributor to the website Direto da Redação. He is a translator who counts on a client base which includes the likes of Motorola, Wacom, and ViewSonic among others.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: